top of page
  • Foto do escritorJ.Maru

A IMPORTÂNCIA DO PREPARO ANTES DE IR PARA O JAPÃO




A rota mais curta de linha aérea entre o Brasil e o Japão tem 18.531,82km. Como todos dizem, é realmente do outro lado do mundo.


A diferença no fuso horário é de 12 horas e mesmo tendo afinidade com o Nihongo, é preciso ser pelo menos nível intermediário no idioma para se comunicar bem por lá.


Sem mencionar as peculiaridades culturais.


Com tantas diferenças, é muito importante você se preparar para ir ao Japão. Seja para estudo, trabalho ou mesmo turismo.


Mas não se preocupe. A gente reuniu aqui algumas dicas que podem facilitar a sua preparação para essa viagem.


‌1 - Visto para o Japão


Para turismo, é necessário iniciar o procedimento do visto com três meses de antecedência.


No caso de estudo ou trabalho, as universidades e agências têm seus procedimentos e orientações.


No site do Consulado Geral do Japão, há mais detalhes para o visto de turista: Consulado Geral do Japão em São Paulo.


‌2 - Fuso horário


Igual falamos no início do post, o Japão está 12 horas à frente do horário de Brasília. Então, considere na sua programação um período de adaptação quando chegar lá.


Fora o fato de que a viagem é longa e cansativa.


Spoiler: você provavelmente vai sentir muito sono no primeiro dia.


‌3 - Dialetos do Japão


O Japão tem muitas variações linguísticas (dialetos ou 方言 - hoogen).


Aqui, geralmente aprendemos o chamado "japonês padrão". É uma forma baseado na linguagem de Tokyo, que pode ser entendido em todo o país e é utilizado em livros, doramas, animes ou pelos veículos de comunicação.


Porém, existem outros dialetos como Kanto-ben, Kansai-ben, Tohoku-ben e Kyushu-ben e algumas subdivisões. Diferente do Brasil, por exemplo, os dialetos não são apenas variações de sotaques ou expressões. Pode haver palavras completamente diferentes, o que complica um pouco a vida do brasileiro que chega por lá.


Mas não desanime. Continue os estudos de nihongo que vai ser muito útil por lá!


3 - Hierarquias


No Japão, há um grande respeito pelas hierarquias.


Existe inclusive uma forma de linguagem especial para demonstrar a formalidade em situações específicas: o 敬語 (Keigo).


São 3 tipos:


  • Teineigo (丁寧語) - utilizado para conversar com pessoas que não fazem parte do seu círculo social.

  • Sonkeigo (尊敬語) - linguagem para mostrar respeito a pessoas com status mais elevado que o seu. Por exemplo: chefes, professores, pessoas mais velhas ou clientes.

  • Kenjougo (謙譲語) - forma para expressar humildade. Usado para se referir a nós mesmos, nos colocando em posição humilde ou inferior em relação a outra pessoa.


No caso de estudo ou trabalho, é importante se atentar a este detalhe na linguagem.


4 - Coloque o Takkyuubin (宅急便) no orçamento.


O Takkyubin é um serviço de transporte e entrega de pacotes.


Geralmente vamos ao Japão com muitas malas, e se precisamos visitar cidades diferentes, levar bagagens pode ser um incômodo.


Então, é só ir em um posto de serviço, deixar as malas, informar o endereço de entrega, agendar o horário e ir despreocupado.


Algumas empresas de Takkyubin: YuuPack (郵パック), Kuroneko Yamato (クロネコヤマト) e Sagawa (佐川).


‌5 - Trens, metrô e o JR Pass


Esta dica é apenas para quem vai ao Japão com visto de turista.


O JR Pass é um passe válido por um período específico (7, 14 ou 21 dias) em que você pode utilizar de maneira ilimitada as linhas de trem e metrô contempladas no pacote, incluindo trem-bala.


A dica aqui é estudar as linhas de trem ou metrô, os locais que serão visitados e definir o tempo que vai precisar do passe.


Veja mais aqui: Japan Rail Pass

‌‌

6 - Idiomas e diferenças culturais


Aqui na J.Maru, você estuda o nihongo na prática e ainda aprende diversas curiosidades da cultura japonesa.


Isso é muito importante para ficar por dentro e chegar bem preparado lá no Japão.


Conheça um pouco mais do nosso método e fale com a gente!


Mais detalhes sobre as nossas aulas: Diferenciais do curso de japonês na J.Maru.



bottom of page